CÂNION DO PIRITUBA E CACHOEIRA DO PALMITO MOLE EM ITAPEVA, SÃO PAULO


Cânion Pirituba - Itapeva - SP
Nosso destino era Itararé, mas ao pesquisar,  verifiquei  que havia um divino cânion no caminho, na cidade de Itapeva .

Partindo de São Paulo pela Rodovia Castelo Branco e outras excelentes estradas são 289  km, com pedágios milionários. Vale a pena pagar para ter uma viagem tranquila.

Na minha ilusão de viajante acreditava que por ser um local tão lindo, haveria placas na estrada indicando o Cânion Pirituba. Antes mesmo de chegar em Itapeva, paramos em uma lanchonete de beira de estrada.  Um pingado com uma deliciosa coxinha nos custou somente R$ 5,00. Eu sou "cheia de dedos” para comer, mas o marido encara tudo. O restaurante é  simples, mas estava muito limpo. Topei provar a coxinha que estava bem boa. Aproveitei para perguntar ao dono do restaurante sobre o Cânion Pirituba e tanto ele quanto o pai me olharam com desconfiança e disseram que nunca tinham ouvido falar. O Sr até me perguntou se eu ia para o assentamento. Disse que não e ele mencionou que próximo ao assentamento há uma fazenda de nome Pirituba. Sugeriu perguntarmos no Posto Rodoviário, que fica antes da cidade de Itupeva.  Assim começou a novela “Como encontrar o Cânion Pirituba”.

Na estrada paramos no Hotel Pousada Taquarivaí para ter alguma informação. Mostrei fotos do Cânion para as funcionárias e nada. Ninguém conhecia. Até que o dono do hotel chegou e disse que já havia visitado, mas não sabia como explicar. Tentou achar um mapa na internet, mas não conseguiu. Também disse que havia chovido e acreditava que não seria fácil chegar lá. Sugeriu perguntarmos no Posto Rodoviário. No Hotel nos ofereceram um bom cafezinho e o Re aproveitou para comprar uma cachaça e cebolinhas em conserva de um produtor local.

Seguindo o conselho, paramos no Posto Rodoviário, atravessamos a pista e o guarda todo sério em um tom (de quem manda aqui sou eu) disse que nunca ouviu falar no tal do Cânion e sugeriu que perguntássemos na Prefeitura. Entramos na cidade de Itapeva com a esperança de que algum morador pudesse nos ajudar, mas nada, então, seguimos para Prefeitura. Lá perguntamos para o guarda que também não conhecia, mas sugeriu que  fôssemos ao gabinete e procurássemos pela assistente do Prefeito. Prá lá seguimos e a assistente disse que já havia ido ao Cânion uma vez e nos indicou como chegar. Volte para estrada e entre sentido Bom Sucesso de Itararé, passando a Agrovila é ali perto.

Lá fomos nós, passamos a Agrovila que na realidade era o tal assentamento do MST comentado na lanchonete e fomos, fomos e nada. Chegamos numa pousada/restaurante, uma funcionária disse que já tínhamos passado e explicou como chegar. Voltamos, vimos uma porteira trancada, com uma placa e o número telefone (75 99900-98090) que só era possível entrar com autorização. Ligamos. Meu marido falou com o Sr José que nos autorizou entrar. Pulamos a porteira, subimos e eu falei para o marido: Não é aqui. Até então estávamos achando que era a trilha do bendito Cânion.

Entrada para Pedra da Galinha e do Camelo

Na verdade nós estávamos na Pedra da Galinha e do Camelo, que é um ponto turístico de Bom Sucesso de Itararé.

Trilha para Pedra da Galinha do Camelo

Vista da Pedra da Galinha

Meu marido ligou novamente para o Sr José e perguntou se ele conhecia o Cânion Pirituba. Ele disse que não, mas que deveríamos seguir um pouco mais na estrada e perguntar no posto perto daquela pousada/restaurante. Conclusão: chegamos no posto e uma boa alma nos indicou “ Como encontrar o Cânion”. 

Voltamos 20 km, próximo à Agrovila, entramos numa estrada de terra seguindo a orientação. Ainda bem que encontramos uma fazendinha, lá nos disseram que era outra entrada. Voltamos no caminho indicado, mas tinha uma bifurcação e claro que pegamos errado, andamos muito e saímos novamente na estrada kkk. Retornamos na fazendinha e aí nos explicaram que era para seguir sempre à esquerda em uma estrada para veículos 4x4. Enfim achamos o lindo Cânion Pirituba que nos deu tanto trabalho, mas que valeu a pena.

Cânion Pirituba - Itapeva-SP

Cânion Pirituba - Itapeva-SP

Do Cânion você tem a vista da Cachoeira do Palmito Mole, conhecida também como Cachoeira do Invernada.

Cachoeira do Palmito Mole 

Cachoeira do Palmito Mole 


Caso você queira conhecer estas belezuras, siga nossos passos.

Como chegar no Cânion Pirituba

Indo para Itararé, entre sentido Bom Sucesso de Itararé, são aproximadamente 8 km. Você passará a Agrovila e do lado esquerdo verá a placa Fazenda Santa Isabel do Capão Alto.


Placa na estrada

Entre neste cercado com o carro, passe na frente da casinha e siga por uma estradinha de terra à direita. Após 1,5 km você chegará nesta bifurcação, contine à esquerda.

Bifurcação onde você pode deixar o carro

Se preferir deixe o carro aí, pois a estrada é muito fechada e os galhos das árvores riscam todo o carro. O nosso ficou bem riscado. Também há pedras, nós passamos, pois o carro é 4x4. Desta placa são 500 metros. É perto, o que facilita a vida de quem não gosta de caminhar.

Estrada fechada e o Re teve que tirar os galhos para passarmos

"A verdadeira arte de viajar...
A gente sempre deve sair à rua como quem foge de casa,
como se estivessem abertos diante de nós todos os caminhos do mundo.
Não importa que os compromissos, as obrigações, estejam ali...
Chegamos de muito longe, de alma aberta e o coração cantando!"
Mário Quintana






Cânion Pirituba - Itapeva



Acompanhe nossa viagem em Itararé.

17 comentários

  1. Rapaz, me assustei quando quando vi que seu relato era deste ano, muita gente aqui de Itapeva conhece os Cânions, talvez não pelo nome, rs, na bifurcação encontrada, pegando a direito, logo a diante vc encontra duas cachoeiras de fácil acesso... O pessoal vai em peso nessas cachoeiras em domingo e feriados, motivo pelo qual é preferível ir dia de semana, vai estar tranquilo e da para tomar um belo banho.... Tem bastante guias levando pessoal para lá também....

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Rafael você que se engana, sou e Itapeva e como dito no post não tem informação nenhuma, claro que tem um pessoal que já foi, mas não sabe explicar a rota. Então se eu pegar a direita, saio em duas cachoeiras? É perto igual a rota da esquerda pra ir pro Canyon?

      Excluir
  2. Pois é Rafael foi um perrengue danado, mas foi ótimo termos conhecido durante a semana, assim tivemos esta belezura só para nós.
    Sorte a sua de morar em uma região tão bonita. Obrigada pela visita. Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Muito bom o post, que bom que vocês são persistentes hahaha, sou de Itapeva e realmente não existe informações de como ir, agora com as instruções de vocês, irei visitar o Canyon também, muito obrigada!

    ResponderExcluir
  4. Jennifer obrigada pela visita. Ficamos felizes que você gostou do post. Que bom que nossas dicas facilitarão sua visita ao lindo Cânion.
    Abraços

    ResponderExcluir
  5. Muito legal o post, ajudou muito a achar, obrigado! Pena que vocês não tiveram tempo para descer a trilha até a cachoeira. Voltem que pela mesma região tem mais cachoeiras e piscinas naturais.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Que ótimo que ajudamos você a visitar o Cânion. Muito obrigada pelas dicas, assim que for possível voltaremos para conhecer as cachoeiras e piscinas naturais. Abraços

      Excluir
    2. Que ótimo que ajudamos você a visitar o Cânion. Muito obrigada pelas dicas, assim que for possível voltaremos para conhecer as cachoeiras e piscinas naturais. Abraços

      Excluir
  6. Eu nasci em Bonsucesso de itararé, sai de lá ao 23 anos e sempre vou porque toda minha família mora lá e só estou sabendo deste Cânion Pirituba agora. Só conheço e frequento a pedra da galinha porque é visível e pertinho de casa. Agora entendo aquele ditado popular de que "santo de casa não faz milagres". Ninguém "liga" ou da valor para isso quando tem ao alcance dos olhos. Eu sempre falo quando visito minha família, que existe tanta beleza e só percebi quando fui morar fora.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Muito obrigado pela visita!
      Que maravilha você ter nascido nesta linda região. Aproveite para visitar o Cânion. Abraços

      Excluir
  7. Sei absolutamente tudo sobre este lugar. E lá precisa demais de gente consciente como vcs....
    E infelizmente, devido ao crescimento do turismo de forma irregular, a poluição e desmatamento no local, assim como pesca ilegal, está bem descontrolado, principalmente em feriados e finais de semana. O pessoal da vila, eu e alguns colegas catamos lixo adoidado lá. Mergulho e retiro muito da água também.
    Coxinha que nada! Em Itapeva o obrigatório é o encapotado. E na estrada da agrovila, o da tia Dora, que é inigualável!
    Vcs viram bem pouco de lá, na verdade.
    Se precisarem de informações, contem comigo.

    Um abraço!

    ResponderExcluir
  8. Ana que pena que não conhecemos você antes, você nos ajudaria muito nesta nossa primeira visita. Voltaremos e bateremos na sua porta para nos ajudar.
    Muito obrigada e abraços

    ResponderExcluir
  9. Vcs sao persistentes mesmo pois se fosse meu marido ja teria desistido na primeira tentativa!kkkk
    Mas que bom que aproveitam...
    Achei lindo o post,mas a prefeitura de itapeva deveria deixar mais visivel para os visitantes esse lugar que deve ser lindo!
    Pois aqui em itapeva quase nao se fala em ponto turistico!

    ResponderExcluir
  10. HÁ algum tempo, havia em Itapeva uma agência que programava passeios até o Cânion de forma comercial(Não sei se ainda há). De repente,sinalizar a estrada pode "atrapalhar os negócios"
    Fato é que em meados de 2012 e 2013 havia um movimento do poder público local em investir no turismo da região, mas por algum motivo não aconteceu.Itapeva é linda, a região é linda, porem não há infraestrutura para promover o turismo (guias, hotéis, etc)
    Por outro lado, a emoção de encontrar a rota por conta própria recompensa o esforço. Parabéns pela persistência de vocês. Abraço fraterno, Francine.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Francine realmente a região é lindíssima!
      Muito obrigado por nos visitar.
      Abraços

      Excluir
  11. É bem isso mesmo, moro em Capão Bonito, cidade vizinha. Faz tempo que estou querendo ir conhecer o cânion e ninguém da região conhece o caminho. As agencias de turismo cobram muito caro para o turista local. Parabéns pela persistência! Vcs foram show!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Miriam muito obrigado por nos visitar. Agora você já tem o caminho para conhecer o lindo cânion. Abraços

      Excluir