CONHECENDO AS ILHAS DA BAIA DE CAMAMU


Ilha da Pedra Furada - Baia de Camamu
Ilha da Pedra Furada


O passeio de lancha para conhecer as ilhas da Baia de Camamu surgiu sem planejarmos.

Nós não gostamos desses passeios de barco demorado e com muita gente. Já havíamos decidido não fazer. Mas muitas pessoas nos disseram que valia a pena.

Sem pretensão em uma manhã ensolarada, consultamos a Camamu Adventure sobre o passeio de lancha particular, algo que não fosse demorado. Talvez por ser baixa temporada o valor pareceu ser honesto, então embarcamos nessa. A empresa fornece cooler térmico e gelo. Compramos algumas bebidas no mercado e às 10h30 saímos com o marinheiro Netão.

Confesso que foi melhor do que eu imaginava, tivemos a liberdade de ficar o tempo que desejamos nas ilhas e que, para nossa felicidade, os lugares estavam com poucos visitantes.



Passeio de lancha pela Baia de Camamu

Começamos pela Ilha do Campinho que é uma vila de pescadores, as águas no seu entorno são profundas. Graças ao bom Deus a construção de um porto industrial foi transferido para Ilhéus. Um fato interessante é que Antoine de Saint-Exupery, autor do livro O Pequeno Princípe, se hospedou por lá na década de 30.


Ilha do Campinho
Ilha do Campinho


Do Campinho fomos até a Ilha do Sapinho que tem vários restaurantes rústicos. O Netão nos indicou o Restaurante Cantinho do Sol.

A lancha para no pier e o garçom vem com o cardápio para escolhermos o prato e assim combinamos um horário para o almoço. Ao ver o cardápio, o marido perguntou pela lambreta (um marisco) e o garçom na hora pegou na água e nos mostrou.

pier Restaurante Cantinho do Sol - Ilha do Sapinho


Com o almoço encomendado seguimos para linda Ilha do Goió que foi reservada só para nós 😃, areia branquinha, coqueiros e águas cristalinas. Caminhamos por um bom tempo observando tanta beleza com direito ao som das ondinhas.

Ilha do Goió
Ilha do Goió



Da Ilha do Goió voltamos para a Ilha do Sapinho, antes de almoçar fomos conhecer a vila que é bem bonitinha com tudo organizado, limpo e tem até uma escola.

Ilha do Sapinho - Baia de Camamu
Ilha do Sapinho


O restaurante Cantinho do Sol é bem charmoso, tudo arrumado, limpo e ótimo atendimento. A lambreta estava uma delícia, assim como o caldinho. Pedimos um prato que foi peixe grelhado com pirão e arroz. O pirão estava ótimo, mas o peixe muito seco. Que pena!
Você pode pagar o almoço com cartão.

Restaurante Cantinho do Sol - Ilha do Sapinho
Restaurante Cantinho do Sol


Por último visitamos a Ilha da Pedra Furada onde é cobrada uma taxa de R$ 5,00 por pessoa para entrar (só em dinheiro). A ilha é linda e fotogênica. Vale a pena pagar esta taxa, pois está tudo conservado e tem banheiro. Alguns cantos da ilha nos lembrou Fernando de Noronha.


Ilha da Pedra Furada - Baia de Camamu
Ilha da Pedra Furada

Ilha da Pedra Furada - Baia de Camamu
Ilha da Pedra Furada

Ilha da Pedra Furada - Baia de Camamu
Ilha da Pedra Furada


No retorno passamos pela Ilha Grande, mas não paramos, só observamos da lancha.


Ilha Grande - Baia de Camamu
Ilha Grande


O passeio foi na medida, durou aproximadamente 5 horas e realmente é muito bonito. Vale a pena.

Veja como foram os 6 dias na Península de Maraú.

Nenhum comentário